Dia Mater I 
(1993)

"16 de janeiro de 1991,
o dia que os Estados Unidos invadiu Baghdad. Sentados em frente da televisão, assistimos a guerra antisséptica: sem sangue, agonia ou morte. Apenas a luz ofuscante dos “fogos de artifício” caindo
sobre Baghdad."

Josely Carvalho

"O título dessas instalações alude ao Enuma Elish, épico babilônico sobre a criação do mundo, cujo relato descreve a forma brutal como a deusa-mãe Tiamat foi morta por seu tataraneto Marduk."

Julia P. Herzberg

Instalação.
Serigrafia, papel, acrílico, caixa de luz, tapete de reza, som.
Exposta em Art  in General, Nova York, EUA.

Foto: Sarah Wells

-

Dia Mater I  faz parte da série Tempos
de Luto (It's Still Time to Mourn que é composta pela instalação:
Dia Mater II exposta no Museu de Arte
de São Paulo (MASP), (1993).

 e pelo livro de artista:
Tempos de Luto (1992)

Esta obra/série é citada no seguinte texto: